segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Para Inep, coincidência de assuntos não afeta o Enem 2016; órgão destaca “tentativas de tumultuar”

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) condenou, em nota, as “tentativas de tumultuar” a edição deste ano do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). 

Segundo o comunicado, a publicação de uma prova falsa na página do Ministério da Educação (MEC) no Facebook, em 2015, com o mesmo tema da redação deste ano “trata-se de uma coincidência de assuntos que não afeta o Enem 2016 por não se tratar de um vazamento”. 

De acordo com o Inep, o tema da prova na foto é “Intolerância Religiosa no Século XXI” e não pode ser comparado com a redação do Enem 2016, que pediu para os candidatos escreverem sobre “Caminhos para Combater a Intolerância Religiosa no Brasil”. 

A nota ressaltou ainda que o tema mostrado na foto não permite que o aluno proponha intervenções respeitando os direitos humanos, conforme pede o edital da prova. 

O órgão também lembrou que todos os anos são publicadas fotos de redações falsas nas redes sociais com “os mais variados temas de relevância social, que muitas vezes mantém relação com o que pode ser proposto em redações do Enem”. 

Na manhã desta segunda-feira, uma postagem de uma prova de redação falsa com o mesmo tema da prova deste ano na página do MEC no Facebook ganhou destaque nas redes sociais. 

Vários internautas compartilharam a imagem comentando que a própria pasta teria vazado o tema da redação antes do Enem 2016. 

O Globo
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

# Compartilhar

Twitter Facebook Google Plus LinkedIn RSS Feed Email Pinterest

Seguidores

Tenho anjos no céu.

Tenho anjos no céu.

Facebook

Indique o nosso site!


Arquivo do blog

Copyright © Rosângela Cunha | Traduzido Por: Yago Design - Galera Na Mídia