terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Em nossos pedidos e orações vamos pedir luz e cura para dona Marisa Letícia: Ela sofreu um AVC e encontra-se internada no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo

A ex-primeira dama Marisa Letícia, de 66 anos, mulher do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) hemorrágico e foi internada nesta terça-feira (24) no Hospital Sírio-Libanês, no Centro de São Paulo. 

Segundo o Dr. Roberto Kalil Filho, chefe da equipe médica que está atendendo a ex-primeira dama, ela já tinha um aneurisma, uma veia cerebral com malformação, diagnosticada há cerca de dez anos. Não havia, na época, indicação cirúrgica, mas apenas de acompanhamento clinico. Segundo ele, foi esse aneurisma que se rompeu. 

Ainda não se sabe a extensão exata nem a gravidade. Dona Marisa passou mal em casa, mas demorou a procurar atendimento. Foi levada inicialmente para o hospital Assunção, em São Bernardo do Campo. De lá, foi levada para o Sírio-libanes, onde foi levada diretamente para o setor de emergência. Lá, foi sedada e entubada. Os médicos iniciaram uma arteriografia cerebral. 

Eles introduzem um cateter pelo pescoço que vai até a região afetada e solta um balãozinho para estancar a hemorragia. É o que se chama de embolização. O procedimento começou antes das 18h e deve durar entre uma hora e uma hora e meia O ex-presidente Lula participou nesta terça de um evento com metalúrgicos em São Bernardo do Campo. 
Após saber do AVC de Marisa Letícia, Lula foi para o Sírio-Libanês. Em sua conta oficial no Twitter, o ex-presidente comentou a internação da mulher. "Dona Marisa Letícia foi hospitalizada nesta terça-feira. Estamos torcendo muito para que ela se recupere logo. #ForçaDonaMarisa", disse. 

O que é AVC hemorrágico: 

O acidente vascular cerebral hemorrágico (ou derrame hemorrágico) ocorre quando há um rompimento dos vasos que levam sangue ao cérebro, paralisando a área cerebral que ficou sem circulação sanguínea adequada. Entre os sintomas que em geral afetam as vítimas de AVC estão a diminuição ou perda súbita da força no rosto, braço ou perna de um lado do corpo; a alteração repentina da sensibilidade, com sensação de formigamento na face, braço ou perna de um lado do corpo; a perda súbita de visão num olho ou nos dois olhos; uma alteração aguda da fala, incluindo dificuldade para articular, expressar ou para compreender a linguagem; dor de cabeça súbita e intensa sem uma causa aparente; instabilidade, vertigem súbita intensa e desequilíbrio associado a náuseas ou vômitos.  
Dependendo da região do cérebro atingida e a extensão das lesões, o AVC pode ter consequências mais ou menos graves. Os de menor intensidade praticamente não deixam sequelas. Já os mais graves podem levar as pessoas à morte ou a um estado de total dependência de ajuda, sem condições, por exemplo, de sequer levantar da cama.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

# Compartilhar

Twitter Facebook Google Plus LinkedIn RSS Feed Email Pinterest

Seguidores

Tenho anjos no céu.

Tenho anjos no céu.

Facebook

Indique o nosso site!


Arquivo do blog

Copyright © Rosângela Cunha | Traduzido Por: Yago Design - Galera Na Mídia