.

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

HORÁRIO ELEITORAL: Má gestão de Carlos Eduardo Alves contribui para lotação dos hospitais

Mais uma vez, Robinson Faria (PSD) usou a reprise do programa eleitoral, desta sexta-feira (14) à tarde, para elucidar distorções apresentadas no horário eleitoral por adversários. Dessa vez, o motivo foram as imagens de hospitais com corredores lotados, exibidas na última propaganda gratuita do ex-prefeito, Carlos Eduardo Alves (PDT).

Em forma de editorial, o programa de Robinson mostra a verdade e explica que origem da superlotação dos hospitais Walfredo Gurgel e Deoclécio Marques passa pela má administração da Prefeitura de Natal. De acordo com o editorial, como a Cooperativa Médica do Rio Grande do Norte (Coopmed-RN) suspendeu atendimento à Prefeitura devido à falta de pagamento,  a população teve de recorrer e superlotar hospitais estaduais. Isso teria dado origem ao cenário mostrado no programa eleitoral da coligação encabeçada pelo ex-prefeito.  

“Carlos Eduardo Alves deveria explicar por que a Prefeitura, comandada por um aliado seu, atrasou o pagamento dos médicos e causou superlotação na rede estadual. A população exige uma resposta, Carlos Alves”, diz o editorial.  

O caso se refere ao atraso, desde fevereiro deste ano, no pagamento do contrato com a cooperativa, cujos profissionais médicos prestam atendimento na rede municipal. Os médicos chegaram a paralisar as atividades para cobrar da prefeitura cerca de R$ 8 milhões em débitos. Quando a verdade aparece, fica fácil entender.   

Nenhum comentário

Postar um comentário

Desenvolvido Por: Editado Por: : Yago S.

imagem-logo