domingo, 17 de janeiro de 2021

Enem 2020 começa hoje para mais de 5 milhões de participantes

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020, na versão impressa, começa hoje, 17 de janeiro. Mais de 5 milhões de participantes são esperados para o primeiro dia de exame. Provas serão aplicadas hoje e no próximo domingo (24 de janeiro).  

Consulte os locais de prova  

Diferente das edições anteriores, neste ano os portões serão abertos mais cedo, às 11h30, para evitar a aglomeração de pessoas durante o atual momento de enfrentamento da pandemia do coronavírus. O horário de fechamento continua o mesmo, às 13h, em todo o país (horário de Brasília).  

Veja os horários do Enem 2020 

(1º dia):  

Abertura dos portões - 11h30 

Fechamento dos portões - 13h 

Início das provas - 13h30 

Término das provas (1º dia) - 19h 

O que levar? 

É obrigatório para todos os participantes do Enem 2020 levar o documento de identificação original com foto e caneta fabricada em material transparente e de tinta preta para a prova. O Cartão de Confirmação de Inscrição não é obrigatório, mas é recomendado levá-lo para auxiliar na localização do local de exame.  

Para este ano o uso da máscara de proteção facial é obrigatório a todos os participantes e acompanhantes de mães que estiverem amamentando.  

Veja mais: O que levar para o Enem  

Também é indicado que os participantes levem água e um lanche para consumir durante o longo período de provas.  

Mais: O que comer no Enem  

Estrutura da Prova O caderno de prova do Enem é personalizado com o nome do participante e, em cada um dos dias, há quatro modelos (cores) que são distribuídos. O material contém as mesmas questões para todos os participantes, mas em ordens diferentes.  

Hoje, os estudantes terão 5h30 para responder as 90 questões objetivas e produzir a redação. Veja como será a distribuição:  

- 45 questões de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias (Língua Portuguesa, Literatura, Educação Física, Artes e Língua Estrangeira) -

- 45 questões de Ciências Humanas e suas Tecnologias (Filosofia, Geografia, História e Sociologia) - Redação 

Já no próximo domingo o horário para concluir a prova será de apenas 5h. A prova será formada pelos seguintes conteúdos:  

- 45 questões de Matemática e suas Tecnologias 

- 45 questões de Ciências da Natureza e suas Tecnologias (Biologia, Química e Física)  

Coronavírus: Medidas de biossegurança 

Para a aplicação do Enem 2020 foram divulgadas uma série de adaptações e medidas que visam manter a segurança de todos os envolvidos no exame. Veja as principais informações:  

Os participantes deverão, obrigatoriamente, usar máscara de proteção facial desde a entrada no local de prova até a saída, assim como os acompanhantes de mães que estiverem amamentando. A máscara deverá cobrir a boca e o nariz do participante, que poderá ser eliminado caso não respeite a determinação; 

Os procedimentos de fiscalização, como identificação do participante, vistoria de materiais, lanches e artigos religiosos, serão realizados respeitando o distanciamento entre as pessoas; 

A ida ao banheiro será controlada e os estudantes terão que higienizar as mãos na entrada e saída dos banheiros; 

Sala especial aos participantes que fazem parte do grupo de risco ao contagio da Covid-19

As salas especiais terão, no máximo, 12 pessoas. Se encaixam no grupo os seguintes participantes: gestantes, lactantes, idosos e pessoas com condições médicas preexistentes, como cardiopatias, doenças pulmonares crônicas, diabetes, obesidade mórbida, hipertensão, doenças imunossupressoras e oncológicas; 

Aumento na quantidade de locais de aplicação da prova e diminuição do número de pessoas em uma única sala de aula; 

Pessoas que estiverem com Covid-19 ou outras doenças transmissíveis nos dias do Enem 2020 devem solicitar a reaplicação das provas. O pedido será recebido antes do exame, pela Página do Participante. 

Veja mais: 

Enem 2020: inscritos com Covid-19 deverão solicitar reaplicação antes das provas.

Foram confirmadas 5.783.357 inscrições nesta edição, sendo 5.687.271 participantes para a prova impressa do Enem e 96.086 para o Enem Digital.  

Este ano, os locais de prova também precisaram ser aumentados para que as salas tivessem uma quantidade menor de pessoas. No Enem 2019 foram utilizadas 145 mil salas de aplicação e, no Enem 2020, a estimativa é que a aplicação seja feita em cerca 205 mil salas, distribuídas por 14 mil pontos de aplicação em todo o país.  

Amazonas 

Na quinta-feira, 14 de janeiro, o governo do Amazonas publicou um decreto suspendendo a aplicação do Enem 2020 no estado. A região está passando por grave crise na saúde pública, em decorrência da pandemia. As unidades hospitalares têm falta de leitos e oxigênio para os pacientes que estão enfrentado a doença.  

Mais de 160 mil participantes estão inscritos no Amazonas e não se sabe quando deverão fazer o exame. Acredita-se que as provas devem ser feitas por esses estudantes na data de reaplicação do Enem 2020 (23 e 24 de fevereiro), porém, ainda não foram divulgadas mais informações sobre como ficará a situação dos participantes do Amazonas.  

Correção do Enem 2020 

O Brasil Escola fará a correção comentada das provas do Enem 2020 nos dois dias de exame. Neste domingo a correção começa assim que terminarem as provas, às 19h. No próximo domingo será a partir das 18h30.  

Acompanhe aqui a correção do Enem 2020  

Os gabaritos oficias das provas impressas do Enem 2020 serão divulgados somente no dia 27 de janeiro.  

Para mais informações acesse a página do Enem 2020 no Brasil Escola.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Desenvolvido Por: Editado Por: :

imagem-logo