domingo, 25 de julho de 2021

Retrato da fome: caldo com ossos alimenta família por três dias em Cuiabá

Com a crise agravada pela pandemia e o aumento nos preços causados pela inflação a fome vem aumentando no Brasil e cerca de 19 milhões de brasileiros estão com dificuldade para colocar comida na mesa de casa atualmente. O Fantástico desse domingo mostrou um flagrante que retrata esta situação, em Cuiabá (MT), uma enorme fila se formando na porta de um açougue em busca da doação de ossos.  

Janaina, mãe solo de quatro filhos, que perdeu o emprego que tinha no setor de limpeza de um shopping durante a pandemia, é uma delas. Apenas com os R$ 375 do auxílio emergencial como verba, ela foi atrás da doação: um quilo de pedaços de ossos que sobram da desossa do boi e ficam com um pouco da carne, cartilagem e gordura.     

Muito usados para cozinhar com feijão, os ossos ajudam a dar uma encorpada no caldo que Janaina e a vizinha Eliana preparam juntas.  

“Tudo aqui é feito no fogão à lenha agora, para a gente poder economizar gás. Nós ‘vai’ fazer esse panelão. A gente come agora e depois a gente separa em vasilinhas e guarda no congelador e vai tirando. Dá uns dois ou três dias para mim e para ela, certinho”, explica Janaina. Assista à reportagem completa  aqui.
 

Nenhum comentário

Postar um comentário

Desenvolvido Por: Editado Por: :

imagem-logo